quarta-feira, 9 de abril de 2014

CB 400 Cafe Racer by Daniel Rosa

Em alguns projetos, mesmo usando uma moto barata como ponto de partida, alguns customizações acabam custando algumas dezenas de milhares de reais em acessórios e mão de obra na customização.  Mas procurando a moto certa, tendo criatividade e sujando as mãos de graxa, consegue-se fazer algo bacana com pouca grana. Esse é o caso dessa CB 400 do Daniel Rosa, que precisava de algo barato para se deslocar até o centro de São Bernardo do Campo.
O próprio Daniel explica a ideia do projeto com suas palavras:

"Pensava em comprar uma motocicleta tipo CG para ir ao banco, ir ao centro da cidade onde moro São Bernardo do Campo então meu filho me falou por que eu montava uma cafe racer com o dinheiro que eu gastaria para comprar uma moto para o dia a dia, esta ideia foi tomando forma em minha mente e eu comecei a procurar uma motocicleta que estivesse dentro ou próximo do valor de uma moto 125 nova, o que seria por volta de R$ 5 a 6000,00. 

Um amigo me informou que tinha um conhecido dele vendendo uma CB 400 ano 1981 totalmente desmontada dentro de uma caixa por R$ 1.500,00 e não faltava nenhuma peça, e inclusive estava com documentação por fazer porém em nome dele. Bati um papo com ele e fechei o negocio, trouxe o kit totalmente desmontado para casa e comecei a trabalhar no projeto. Inicialmente enviei o motor para um mecânico amigo para que se fizesse uma revisão onde constatamos que seria necessário fazer uma retifica geral, fizemos o motor então o projeto decolou."

A partir dai, começaram as modificações: O detalhe mais bacana do projeto é a bela suspensão monoshock mas "só que não": Na verdade ela opera com 2 amortecedores da Yamaha Fazer 250 ocultos ao invés de um apenas.
Uma das sacadas desse projeto foi usar algumas partes da Lander 250:  Aros, discos de freios, freio traseiro e vieram dessa moto. Apenas na dianteira que a pinça usada veio da Yes 125.
Já na frente, além do guidão morcego, foram usados velocímetro e o farol (retrabalhado) de CG "bolinha". Os piscas e a lanterna foram trazidos via eBay. O Daniel não citou, mas dá pra ver que os comandos de luzes e o "burrinho" do freio são de Hondas mais atuais.
O tanque foi retrabalhado para se encaixar no estilo "Dunstall Lowline", inspirado nas antigas Norton Commando. E a rabeta foi feita de aço Inox.
O bacana é que essa moto resgata o espirito de renascer motos condenadas ao desmanche e mostra que dá pra fazer algo bem legal com a grana que se gastaria numa moto popular igual a de todo mundo. Parabéns Daniel pelo belo trabalho.

9 comentários:

  1. Respostas
    1. Sim, conjunto completo, somente duas adaptações, como dito a pinça dianteira é da Yes e a coroa é da RD 350.

      Excluir
  2. Parabéns oq muitos teorizam vc pôs em prática com muito mérito

    ResponderExcluir
  3. Parabéns Daniel, bela moto! Só gostaria de saber como fica a questão da documentação nesses casos, como funciona para legalizar as modificações e se é necessário fazer isso

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cara, ela esta com a documentação em dia como CB 400 ano 1981, original....

      Excluir
  4. Amigo, como foi a instalação da pinça de freio traseiro?

    ResponderExcluir
  5. Os dois conjuntos de roda são da traseira lander?

    ResponderExcluir
  6. Oi! Tenho uma frente igual a sua. Mesmo guidão e velocímetro. Mas o cabo do velocímetro está quebrando toda hora. Pode me explicar como você passou o cabo por trás do farol sem dobrar demais a ponto de quebrar? Parabéns e obrigado.

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.