quarta-feira, 30 de abril de 2014

RX 180 Diabolyn

Não é de hoje que sou um admirador das pequenas 2T. Minha primeira moto foi uma RX 125, e que na época por medo de mexer, não virou uma Cafe Racer. Isso lá no comecinho do século. E até a pouco tempo atrás, quando ainda estava a procura de uma moto para transformar em Cafe Racer, uma das primeiras que me veio a cabeça, juntamente com a CB 400 foi a RX 180: Não tão pequena com a RX 125, o motor oferece uma boa possibilidade de preparação e a moto não é das mais difíceis de se modificar.  E ao ver essa moto feita pelo video blogueiro Coruja  Luthier para a sua esposa, se confirmou que a ideia era uma das boas...

 A moto no geral é muito simples: Com alguns pequenos upgrades e criatividade, temos um pequeno foguetinho. Nas palavras do Coruja:

" Foi tirado o cilindro antigo da RX com apenas 2 janelas de transferência e colocado um da Dt 180 (4 transferências), trazendo mais torque e força em média baixa e deixando a alta praticamente infinita... (exagero, mas é quase isso). O escapamento dimensionado feito pelo fabricante Dogster (artesanal). Também foi trocada a ignição por uma especial da marca N5.  Algumas pimentas no motor e estimo que deva chegar aos 28 Hp. Uma moto de baixa cilindrada que consegue brincar facilmente no meio de motos grandes, até porque pesa apenas 80 quilos... Fiz pra presentear minha esposa, por isso o nome DIABOLYN."

O acabamento geral dessa moto é excepcional e foi todo feito em casa (Fibra e pintura). Essa moto não deve nada ao que é feito lá fora em termos de pequenas cilindradas. 
Para encerrar, vou postar o video que o próprio Coruja fez , mostrando algumas etapas do projeto. Vale o play:


19 comentários:

  1. Gostei do paralama dianteiro. Foi modificado a partir do paralama de qual moto?
    .
    Ainda não bolei um paralama pra minha RDz - Cafe Racer. Esse daí está muito bom e a moto é praticamente igual a RDz. Se alguém puder dar um toque sobre o paralama.....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O paralamas dianteiro é da Rdz mesmo amigão! O bacalhau onde retraí os comandos tbm foram da Rdz.

      Excluir
    2. Valeu, amigo.
      .
      É que o paralama original da RDz têm perfil com vinco reto. Já esse parece todo redondinho. Não sei se é por causa da pintura que passe essa impressão ou se você "matou" o perfil arredondando-o, ou de repente não dá prá perceber por se tratar de foto. Em todo caso valeu pela informação. Uma peça a menos que eu terei que comprar - já que tenho o paralama original da RDz :)
      .
      Parabéns pelo trabalho. A moto ficou muito boa.
      .
      Uma coisa que eu destaco é o esquema de pintura. As cafe geralmente têm pintura bastante sóbria; muitas vezes, quase sem graça. Essa sua não. Essa ficou uma pintura muito bem trabalhada. Tudo no seu devido lugar. Sem nenhuma extravagância. Simples e bonita como tem que ser. Acertou a mão na pintura, amigo.

      Excluir
  2. Show essa moto,... é bom ver o pessoal fazendo suas próprias motos (ou pra esposas) e com esse alto nível de qualidade e acabamento,.. o Luthier está de parabéns pelo trabalho e por principalmente meter a mão na massa, cada vez mais vejo gente procurando cafes prontas, esse não é o espírito e espero que esse trabalho inspire mais gente a começar o seu,... o bom que esse projeto elevou o nível da brincadeira,... agora é pegar a BR277 e bater lá na casa do Luthier pra pegar essas manhas todas,... a "minha" cafe também é pra esposa,...

    ResponderExcluir
  3. Caros Douglas e Luthier, vou explicar o "segredo" de voces terem pensado e eleito a RX180 para uma CR, porque é uma "versão brasileira AIC São Paulo" da excelente Yamaha SR500 ou SR400, que é uma das motos mais cafeinadas nos EUA (o EBAy é cheio de acessorios para ela), em 1976 meu irmão trabalhava em uma agencia de propaganda (Denison Propaganga) que tinha a conta da Yamaha e ele me colocou em um grupo de pesquisa de opnião para um novo produto da marca no Brasil, foi escolhida por unanimidade um prototipo americano (que viria a ser a SR500 de 1979), porem eles colocaram o motor 2 tempos de 180cc (custo Brasil), eu me apaixonei tanto pelo estilo que em 1980 comprei uma SR500 que está na familia até hoje e 100% original (está em sampa com meu irmão), e acabei aprendendo muito da moto, inclusive que na verdade ela é originalmente é uma BSA SR500 1952 (a Yamaha comprou a BSA em 1972, pois precisava crescer na tecnologia 4 tempos), ou seja, uma autentica Café Racer Inglesa... A RX180 tem arvore genealogica com origem na terra da rainha.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ta aí algo que poucos sabem. Eu mesmo não sabia.
      .
      Mais uma que aprendo sobre a gloriosa marca dos diapasões :-)

      Excluir
  4. Só um adendo.......Versão brasileira AIC - CURITIBA.. aiaUoiaUAOIUAOA

    ResponderExcluir
  5. É a SR400 que é produzida até hoje né??? Sensacional...

    ResponderExcluir
  6. Realmente simples e de muito bom gosto.
    Parabéns

    ResponderExcluir
  7. Amigo fiquei muito impressionado com a qualidade e bom gosto do seu trabalho, como foi comentado, acho que esse é o grande lance das Café Racers, meter a mão na massa e fazer sua própria moto com sua identidade!!! Que sirva de inspiração para que mais e mais pessoas se tornem adeptos do estilo de fato. Parabéns!!!

    Abraço.

    ResponderExcluir
  8. Coruja, qual o nome da técnica utilizada para fazer a escrita (Diabolym), achei muito interessante.
    Obs: Sou completamente leigo no que diz respeito a pintura!!! kkkkkk

    ResponderExcluir
  9. Amigo, é uma técnica atrelada ao pinstripe, busque informações em sites gringos que vc vai ter informações a respeito, bastante utilizada em carros, pelo que vi e pelas buscas que fiz em sites de motos NO BRASIL, não ví ninguém utilizando, (e se foi utilizada foram poucas) ai a ideia de fazer algo diferente na motoca, valorizando ainda mais o projeto e individualização da arte feita, praticamente exclusiva...

    ResponderExcluir
  10. boa tarde! quero me desculpar pelo meu portuguez pois sou uruguayo e nao sei escrever direito em seu idioma, amigo parabenz pelo trabalho!! ficou otimo mesmo!!! muinto linda a rx!

    ResponderExcluir
  11. tambem queria le pedir se voce pode me dizer que tipo de pintura usou e cual o nome das cores, entendo um pouquinho de pintura e gostaria de fazela na minha suzuki gs 425 ano 79 a cual estou fasendo cafe racer, e adorei a cor.
    vi que e um proceso de varias capas de cores diferentes, daria pra voce me pasar esa info? ficarei muinto grato!!
    sou Cristian Davila de Rivera Uruguay! mais uma ves parabens pelo trabalho!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Seja bem vindo Cristian. Hora dessas quero dar um pulo ai em Rivera. Quanto teu projeto estiver pronto, me avise no garagemcaferacer@gmail.com

      Excluir
  12. Ok! muinto obrigado! assim sera!

    ResponderExcluir
  13. Muito top, gostaria de saber qual guidão vocês usou ?

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.