quarta-feira, 7 de maio de 2014

Filosofo de Cafe: O que é uma moto Cafe Racer?

A imagem tenta resumir, mas a coisa não é tão simples assim. A arte dessa imagem é da Inked Iron
Como havia comentado no último filosofo de cafe, faltava definir mais ou menos o que podemos chamar de Cafe Racer e falar sobre os demais estilos de personalização próximos as Cafe Racer. O iconográfico que usei ai em cima tenta resumir, mas a verdade  é que por vezes não é simples enquadrar uma moto em u estilo, porque as vezes um projeto mescla características de estilos diferentes. Assim, para facilitar a compreensão, usarei predominantemente imagens de CB 400, para você ver que uma mesma moto pode ter diversas personalizações e compreender as diferenças em cada estilo.  Não pretendo me aprofundar no histórico dos estilos, mas apenas ajudar a esclarecer as coisas.
Cafe Racer:
As Cafe Racers podem ser caracterizadas como motos que fazem referência ao visual das antigas motos inglesas dos anos 60, que eram preparadas com o objetivo de se tornarem mais rápidas nos rachas. O visual busca o minimalismo e a posição de pilotagem é mais "racing". O objetivo era torna-las mais leves e rápidas. Uma Cafe Racer pode ter acessórios modernos, mas o visual tem que estar de acordo com essa premissas.
Cafe Racer Clássica
Cafe Racer com banco para dois passageiros

Cafe Racer, mas com alguns upgrades modernos, como essa bela suspensão

Bobber:
Estilo criado nos EUA, num período um pouco anterior ao movimento Rocker e com premissas semelhantes as das Cafe Racers: Torna-lá mais leves e rápidas, principalmente em comparação as paquidérmicas motos americanas da época. O estilo é marcado pela posição mais relaxada em Relação as Cafe Racer, e pelas motos serem extremamente simples: Bancos de mola, para-lama traseiro rente ao pneu e ausência do para-lama dianteiro são características marcantes desse estilo.
Bratstyle:
Estilo que foi criado pela oficina japonesa Bratstyle, que nomeia o estilo. Esse estilo deriva diretamente das Cafe Racer e Bobber, mas ai o foco não é a performance pura, mas apenas fazer referência ao estilo minimalista das motos do passado. Visual depenado, retrô e os bancos com pouca espuma fazem parte desse cardápio. As "Brats"são muitos semelhantes as Street Trackers, que abordarei logo mais.
Scrambler:
No passado as primeiras motos com proposta mais voltada ao Off Road foram chamadas de Scrambler. Hoje as Trail cumprem esse papel com maestria, mas essa escola de motos com visual vintage e pegada mais off road ( e muito mais confortáveis) segue firme.
Projeto brasileiro feito pelo Madreas Custom
Para mim essa ai é uma Scrambler, apesar de os criadores afirmarem que o Bratstyle também influenciou essa criação
Trackers ou Dirt Trackers:
Essa ai da foto está inacabada, mas dá uma ideia clara do que o estilo é: Inspirados nas motos de Dirt Track americanas dos anos 60 e 70, tem uma pegada um pouco mais esportiva do que as Scrambler.
Criações da Classified Moto que oscilam muito entre as Tracker e Scrambler. Mas essas ai pra mim são Trackers.
Street Trackers:

A Street Tracker se aproximam muito das Bratsyle no proposito de algo diferenciado e minimalista e das Tracker por serem mais confortáveis que as Cafe Racers. Podemos dizer que derivam das Tracker, porém tem pegada mais urbana do que "off road". Diferem das Bratstyle por serem personalizações mais contemporâneas, enquanto as Brat flertam mais com o visual retrô. Mas aqui a diferença entre os estilos é muito sutil.
Street Figthers:
Projeto Malevola. Hora dessas falo dele aqui, mas por hora, confira no Old Dog Cycles
Também tem bastante a ver com os estilos anteriores e muitos as julgam como as herdeiras das Cafe Racer. Porém o estilo visual é moderno e rebuscado, as soluções são por vezes exóticas e não tão minimalista como as Cafe Racer. É um estilo bem mais extravagante e muito agressivo.
Racing Réplica:
No caso dessas CB usadas aqui, as motos eram de fato motos de pista. São poucos projetos com CB´s nesse estilo, mas uso essas imagens para ilustrar. Muitas vezes as motos que se inspiram nas motos de pista, mas que são "nakeds" são confundidas com as Cafe Racer.

Estilos menos comuns de customização: Board Tracker, "JapaStyle" e Bōsōzoku:
As Board Tracker são as motos que corriam nas pistas de madeira do anos 20 no EUA.
Moto feita pelo Roland Sands a partir de um motor 1000 cc de Moto GP
Já o Japastyle se confunde com o BratStyle, mas na verdade é um estilo difícil de definir, pois os Japas viajam nos designs:
Bobber, Bratstyle?
E essa?
Outra escola Japonesa, mas que parece meio esquecida é a Bōsōzoku, que tem uma pegada meio Chopper e bem estranha ao meu gosto:
Bem amigos, de momento esses são o principais estilos (Deixei de fora as Chopper, pois qualquer um sabe o que é) e o estilos mais atuais de motos, como Naked, Esportivas, Touring, etc. A ideia é clarear a percepção do pessoal sobre os estilos de customização e não achar que tudo é Cafe Racer. Porém obviamente esse texto é extremamente resumido e mesmo algumas motos que indiquei são passiveis de discussão, se pertencem ao um determinado estilo outro. 

13 comentários:

  1. As Tracker's da Classified Moto são lindas demais, mas demandam muita alteração no subquadro.
    Mas tô querendo fazer algo nesse estilo pra desbravar o trânsito de São Paulo.

    ResponderExcluir
  2. ótimo artigo,sem duvidas o mais completo que já vi, muitos eu juro que confundo até hoje, praticamente muda nada se você não conhecer.

    ResponderExcluir
  3. tá de parabens... muito legal a materia :)

    ResponderExcluir
  4. Notadamente, os estilos mais legais são: Bobber e Cafe Racer. Scrambler talvez.
    .
    Board Tracker é algo interessante. Por exemplo, ultimamente tem-se visto muito kit de motor 50cm³ a 2 tempos sendo vendidos para se montar em bicicletas.

    Dá pra fazer um chassi legal e usar um motor desses pra fazer uma bike no estilo Dirt Tracker. E ainda pode-se andar por aí tranquilamente pois a fiscalização raramente incomoda quem anda com essas bikes motorizadas. E ainda andar com estilo e muita economia posto que essas bikes fazem uns 50km por litro....

    ResponderExcluir
  5. pffff quanta besteira dita por quem não entende muito sobre o assunto... Já se começa errado ao tentar rotular motos por estilo...

    ResponderExcluir
  6. pffff quanta besteira dita por quem não entende muito sobre o assunto... Já se começa errado ao tentar rotular motos por estilo...

    ResponderExcluir
  7. hahahaha, falou o grande entendido, o anônimo de 12 de maio.

    esse é um assunto delicado, o tal do "rotular". não se rotula motos por estilo, e sim estilo por moto. cada um deles tem sua época, não tem porque querer boquejar.

    enfim, são muitos construtores por aí, muitos gostos e influências de quem manja e de quem não sabe nada. nasce uma criação mista que fica difícil de "rotular". o importante é gostar do que se construiu (ou encomendou!).

    ResponderExcluir
  8. Penso que o autor passar longe de querer rotular, na minha opinião ele apenas ilustra o momento cultural q se expressa em cada modelo ou projeto. Um artista que produz uma obra sempre impregna a ela a concepção de mundo de seu tempo. E é isso q acontece qndo idealizamos o projeto e concretizamos a máquina. Beeeeemmm diferente dos coxinha q vão na loja e "compram" seu estilo.
    Voto no senhor Douglas para nosso Sommelier oficial. Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Justamente, a ideia não é limitar a classificação ou rotular, mas mostrar ao pessoal que nem tudo é "cafe racer". Alguns estilos são bem recentes ao passo que outros foram estilos com um forte apelo histórico. Em alguns casos, praticamente são sutilezas que separam uns dos outros (Street Tracker e Bratstyle são exemplos claros). A ideia dessa postagem é justamente ajudar a compreensão quando você lê uma matéria gringa e vê uma Street Tracker e vê muita gente chamando de Cafe Racer e sendo que na verdade, as propostas são diferentes.

      Excluir
  9. Douglas, parabéns por esse post.

    Tenho acompanhado seu blog faz um tempo já, mas nunca comentei em nenhum artigo.

    Gostaria de saber de quem é essa moto:
    http://4.bp.blogspot.com/-PS1vmhgWPpo/UrGnLIl91PI/AAAAAAAADVU/uwSKm4HGZbA/s1600/alexandre+beck+2.jpg

    (a primeira BratStyle que deu como exemplo)

    Tem como postar o projeto inteiro dela? Você tem a fonte?

    Estou comprando uma Cb450dx e esse "projeto" de moto é o que está mais próximo do que eu vou fazer.

    Gostaria de tirar algumas dúvidas com você a respeito da frente das CBs, meu email é dubeluco@gmail.com

    Abs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ela é uma BratStyle.

      Eu tenho algumas fotos. Vou ver se mando pra ti por e-mail. Caso eu esqueça, mande um e-mail para garagemcaferacer@gmail.com cobrando a resposta.

      Excluir
  10. NECESSARIAMENTE A CAFE TEM QUE DISPOR DE APENAS UM FAROL REDONDO OU DOIS FARÓIS REDONDOS MENORES SE ENQUADRAM COMO CAFÉ

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.