sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015

Sexta Insana: Honda CX 500 by Sacha Lakic

A Honda CX 500 é uma daquelas motos, que junto a nossa CB 400, são motos que originalmente não tem um grande design, mas vem despontando com uma das principais bases para projetos de customização, pela sua simplicidade, por seus bons motores e preços baixos, tanto aqui como lá fora. O exemplar dessa sexta insana é essa belíssima CX 500, desenhada por nada mais nada menos, pelo designer Sacha Lakic, resposável por diversos projetos das motos francesas Voxan , em especial da saudosa Voxan Black Magic, praticamente uma Cafe Racer de fabrica.

A escolha dessa moto para o projeto se deu meio ao acaso: Sacha encontrou essa CX 500 desmontada num canto de uma loja de amigos, e resolveu criar algo bacana com a moto, pois sempre admirou a personalidade do V2 dessa moto.
Mas de original dessa moto, restaram apenas o motor (teve o radiador substituído por um de CBR 125 apenas) e o tanque, mas que foi levemente inclinado, para dar um ar mais dinâmico ao desenho. De resto, a moto foi toda refeita, sendo que a parte traseira é inteiramente nova, com um monoshock oriundo de uma Ducati 851, sub chassi monoposto totalmente novo e balança reforçada.
Já na dianteira, o maior destaque são as grossas bengalas Marzocchi de 50 mm, que são fixadas a moto por mesas que beiram a obra de arte...  
A moto é recheada de itens de grife: Freios Nissin, rodas 17 polegadas Excel, pneus Dunlop Sportmax Mutants, entre outras coisas.
Mas apesar de todos esses itens, podemos perceber que a proposta for ser minimalista, dando total destaque para o motor, alma desse projeto. Outro fator que me agrada é que esse projeto não descarateriza a moto por completo: Ao olhar, você sabe que a moto é uma CX 500 e não outra, e mesmo assim, a moto está muito atraente, mas sem perder a identidade, assunto o qual já propus uma discussão antes (aqui e aqui). 
A principio essa construção é apenas um exercício de design de Sacha, quem em seu studio, desenha projetos de arquitetura, veículos e outros objetos. Mas ficamos na torcida para que no futuro vejamos outros projetos feitos por ele. A matéria original é do Bike Exif, via a assessoria de comunicação.

7 comentários:

  1. A roda traseira está MATANDO completamente o projeto.
    .
    Ela parece "flutuar" solta fora do conjunto. Isso é o que eu chamo de desarmonia ou harmonia dissonante.
    .
    O grande culpado disso é o mono shock. Fosse bi amortecida, a balança poderia ser mais curta e poderia deixar a roda traseira mais próxima do corpo da moto. Fecharia com chave ouro, de platina.
    .
    Agora se o dono tem obsessão por mono shock, de repente uma solução como o da YAMAHA MT-03 ficasse mais interessante. E nessa moto ficaria bom demais. Seria um atrativo à parte porque ela tem todo ar de modernidade. Daria um belo destaque.

    ResponderExcluir
  2. Ola pessoal sou de São Paulo Capital, tenho uma intruder 125 2012/13 quero fazer uma customização nela estilo Bratstyle ou Scramber queria saber se alguém poderia me indicar uma oficina que customizaçao boa na cidade.
    Att.
    Johnny

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. existem vários caras super capacitados... dá uma pesquisada no site que vc encontra os contatos.

      Excluir
  3. johnny, tem um pessoal que fez uma rat ( que era realmente um farol com cara de gato ), que foi postada aqui mesmo...

    dá uma procura nos topicos

    ResponderExcluir
  4. ok valeu pela dica pessoal !
    Att.Johnny

    ResponderExcluir
  5. sabe informar qual modelo esses pneus??

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.