segunda-feira, 5 de dezembro de 2016

Bratoff - Suzuki Intruder 125 Garagem Rabugentus

Sempre que pensamos em projetos de pequenas cilindradas aqui no Brasil, a base lógica é a Honda CG, mas fora do país, uma das motos mais usadas é a Intruder 125 e 250, conhecida como Suzuki GN.
Aqui é fácil ver projetos de Intruder que viraram Bobbers, mas Cafe's, Brat's e Scramblers não são projetos comuns de se ver. Felizmente isso tem mudado e as Suzukis, como motos baratas, confiáveis, tem se tornado uma base sedutora para projetos belos e interessantes.
Guidão e painel bem clássico, discreto e bonito
Direto do Paraná, a Garagem Rabugentus vem com essa Intruder 125 em um misto de Brat com Scrambler que é muito interessante não só pela sua beleza bruta, mas como em sua atenção e criatividade nos detalhes.
Farol quadrado e placa em alumínio, visual rust com personalidade
O primeiro ponto a se destacar é o subchassi totalmente refeito, o mesmo alinha a base do quadro deixando-o nos moldes clássicos. O tanque foi realinhado para ficar reto em paralelo com o quadro.
O quadro em um primeiro olhar, parece-nos pintado de preto, mas na verdade é um verde muito escuro e só é revelado sob a luz do Sol ou olhando muito de perto.
Cara de quem topa qualquer parada
A frente da moto ganhou um farol quadrado com uma placa como a dos assoalhos de ônibus, o que conferiu um visual mais rústico e que casa com a proposta da moto.
O guidão é um pouco mais largo e alto dos que os costumeiros das Brats, puxando mais para as Scramblers, essa peça foi feita na Garagem Rabugentus exclusivamente para essa moto.
A bateria quase invisível
A bateria e elétrica foram alocadas abaixo do banco, ficando quase imperceptíveis. Olhares mais desatentos costumam questionar onde estão esses itens.
As rodas usam cubos de cg, ambas 18" calçadas com pneus Maggion Predator 100/90 de uso misto.
O escape, uma peça curta e simples mais a manta térmica no cano do escapamento dão o toque final na porção mais baixa da moto.
Manopla transparente e pneus mistos, para uma brincadeira na terra
O painel deu um trabalhão, mas foi uma peça que ganhou grande atenção e ficou bem interessante, a manopla, uma peça transparente também ajuda a dar um visual bem legal.
O tanque foi pintado em um tom de dourado acetinado com uma faixa central em alumínio escovado, conferindo um visual "classy" contrastando com a alma mais despojada. Mas isso não ficou ruim, pelo contrário, é o tipo de contraste que funciona muito bem quando feito da maneira correta.
Lanterna feita à partir de um copo. Criatividade é a Lei
A lanterna é uma peça bastante curiosa. Foi feita com um copo "americano", aquele famoso copinho de padaria em que toma-se o famoso "pingado" ou uma cachacinha. Com suporte em aço e pintado em candy vermelho, é uma peça bonita e cheia de personalidade.
Suzuki Intruder 125 virou outra moto, muito mais bela
Olhando essa Intruder posso dizer tranquilamente que a mesma ganhou uma sobrevida enorme no que tange ao visual e é engraçado dizer isso quando a solução foi referenciar motos dos anos 50/60 como as TX e Bonnevilles com seus guidões mais largos, as rodas maiores, etc.
Essas motos são atemporais, muito diferentes das "modernosas" motos que ficam facilmente datadas.
Essa Intruder 125, de propriedade do sortudo Icaro Brancher, é um projeto que com certeza deve ser reverenciado.
Andrius Voigt, a cabeça e mãos por trás da Garagem Rabugentus colocou essa Intruder entre as belas Suzukis que buscamos sempre no Google como inspiração de projetos de 125/150 cilindradas.

11 comentários:

  1. Fiquei de cara com o copo de pinga! Hahaha Andrius se superou nesse projeto

    ResponderExcluir
  2. Ótimo trabalho, a moto ficou muito linda!!! Tive o prazer e privilegio de conhecer o "pai da criança", Andrius, em evento em Curitiba. Enquanto ele fazia um pine striping no tanque de uma outra Intruder, cara muito gente boa!!! Parabéns!!!

    ResponderExcluir
  3. Baita inspiração pra cena Baixo Custom

    ResponderExcluir
  4. Olá, tenho uma ninja 250r que esta sem carenagem devido a um acidente(não vale apena arrumar como original), a moto esta com motor perfeito precisa apenas de uma manutenção, gostaria de saber como faço para fazer um orçamento e um projeto para transformar ela em café racer (contato site não funciona)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ola, manda um whats, 41 996087991, ou email andrius@garagemrabugentus.com.br

      Excluir
  5. boa noite pessoal
    acabei de comprar uma CG ML 88 para fazer uma café race, sou de curitiba, existe algum grupo queria ver algumas motos para ter uma ideia melhor doque fazer...
    André Amaral

    ResponderExcluir
  6. boa noite pessoal
    acabei de comprar uma CG ML 88 para fazer uma café race, sou de curitiba, existe algum grupo queria ver algumas motos para ter uma ideia melhor doque fazer...
    André Amaral

    ResponderExcluir
  7. Soluções criativas e de baixo custo. Serviço parece ter sido bem executado.
    O conjunto da obra não me agradou. Achei a moto "feia" (perdoe "ofender") para o meu gosto. Já vi outras propostas de customização com esse padrão rústico e que me agradaram mais.
    Contudo, o que importa é que a moto deve agradar AO CLIENTE, além de oferecer segurança... E isso me parece que foi atendido.
    Parabéns pelo trabalho.

    ResponderExcluir
  8. Motos  da suzuki são ás melhores no quesito custo beneficio

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.